Recursos

Elemento material, gestos humanos e palavras em Casamento, Ordenação Sacerdotal e Unção dos Doentes

O aprofundamento dos sacramentos é vital para a formação dos cristãos. Neste artigo, o elemento material, gestos humanos e palavras de Casamento, Ordens Sagradas e Unção dos Enfermos são examinados em profundidade.

Alejandro Vázquez-Dodero-21 de Janeiro de 2023-Tempo de leitura: 3 acta
Sacramentos Materiais

Os sacramentos têm sempre um elemento material, gestos humanos e palavras (Unsplash / Saint John's Seminary).

Nos dois fascículos anteriores discutimos o significado dos outros quatro sacramentos que, juntamente com os três que nos preocupam nestas linhas, correspondem a todos os momentos importantes na vida de um cristão: dão à luz e ao crescimento, à cura e à missão para a viagem da fé. 

Quais são os elementos materiais, gestos humanos e palavras no sacramento do Matrimónio?

O casamento é um sacramento porque contém os elementos necessários para ele: o sinal sensato - contrato ou pacto -, a graça santificadora e sacramental, e o facto de ter sido instituído por Cristo.

A questão é "remota" - os próprios cônjuges - e "próxima" - o dom recíproco dos cônjuges, que se dão mutuamente toda a sua pessoa, todo o seu ser.

O sinal externo deste sacramento, como dissemos, é o contrato ou pacto matrimonial, que ao mesmo tempo forma a forma. O formulário é o "sim", o que significa a aceitação recíproca deste dom pessoal e total.

Este pacto é expresso no rito matrimonial com as seguintes palavras: "...".Eu (nome da parte contratante) aceito-o (nome da parte contratante) para ser meu cônjuge, para ter e manter a partir deste dia, para o melhor, para o pior, para o mais rico, para o mais pobre, na doença e na saúde, para amar e acarinhar, até que a morte nos separe.".

O casamento resulta do consentimento pessoal e irrevogável dos cônjuges manifestado por tais palavras - cf. Catecismo da Igreja Católica, 1626-.

Porque o casamento é um estado de vida na Igreja, deve haver certeza sobre ele; daí a obrigação de ter testemunhas; daí o carácter público do consentimento, que protege o "sim" uma vez dado e ajuda a permanecer fiel a ele - cf. Catecismo da Igreja Católica, 1631.

Quais são os elementos materiais, gestos humanos e palavras no sacramento da ordenação sacerdotal?

O tema do sacramento de Ordenação sacerdotal -ou Ordens sagradas - é a imposição de mãos. Este é um momento do rito de celebração deste sacramento em que o bispo, impondo as suas mãos sobre a cabeça dos candidatos ao sacerdócio, se dirige ao Senhor, implorando a sua ajuda para eles.

A forma refere-se à oração consecratória que os livros litúrgicos prescrevem para cada grau - diaconado, presbitério e episcopado. Pede ao Espírito Santo que confira aos candidatos o sacramento da ordenação sacerdotal no grau correspondente.

Na ordenação dos sacerdotes, a forma é constituída pelas palavras da oração que o bispo diz após o ordenado ter recebido a imposição de mãos. As palavras essenciais são: "Pedimos-Te, Pai Todo-Poderoso, que confies a estes teus servos a dignidade do sacerdócio; renova nos seus corações o Espírito de santidade; deixa-os receber de Ti o sacerdócio do segundo grau e deixa-os ser, pela sua conduta, um exemplo de vida." -ritual de Ordenação-.

Quais são os elementos materiais, gestos humanos e palavras no sacramento da Unção dos Doentes?

A Unção dos Doentes tem lugar na família, no hospital ou numa igreja, para uma única pessoa doente ou para um grupo de pessoas doentes. Se as circunstâncias o permitirem, a celebração do sacramento pode ser precedida pelo sacramento da Reconciliação e seguida da Comunhão, quando a liturgia fala de "viaticum" ou passagem à vida eterna.

A celebração começa com um acto penitencial - arrependimento por ter pecado perante Deus - seguido da liturgia da palavra - a leitura de algumas passagens da Sagrada Escritura.

O ministro - um sacerdote - unge o doente com o que constitui o material do sacramento: o óleo consagrado pelo bispo na Quinta-feira Santa. A unção é feita na testa e nas palmas das mãos do doente, e pronunciam-se as seguintes palavras: "...".Por esta santa unção, e pela sua misericórdia graciosa, que o Senhor vos ajude com a graça do Espírito Santo, para que, libertados dos vossos pecados, vos conceda a salvação e vos conforte na vossa enfermidade.".

Com este fascículo concluímos a breve exposição que propusemos sobre o assunto, os gestos e as palavras em cada um dos sete sacramentos. A intenção não era outra senão "visualizar" a celebração de cada um deles nestes três aspectos, através dos quais a graça sacramental actua na alma do receptor e o santifica.

Em colaboração com
Quer notícias independentes, verdadeiras e relevantes?

Caro leitor, Omnes relata com rigor e profundidade sobre assuntos religiosos actuais. Fazemos um trabalho de investigação que permite ao leitor adquirir critérios sobre os eventos e histórias que acontecem na esfera católica e na Igreja. Temos assinaturas de estrelas e correspondentes em Roma que nos ajudam a fazer sobressair a informação de fundo do ruído dos meios de comunicação, com distância ideológica e independência.

Precisamos de si para enfrentar os novos desafios de um panorama mediático em mudança e de uma realidade que exige reflexão, precisamos do seu apoio.

Em colaboração com
Boletim informativo La Brújula Deixe-nos o seu e-mail e receba todas as semanas as últimas notícias curadas com um ponto de vista católico.