Vaticano

Papa internado no hospital Gemelli para ser operado

No final da audiência geral de quarta-feira, 7 de Junho, o Papa Francisco foi transferido para o hospital A. Gemelli para ser operado a uma "laparocele encarcerada". Hospital Gemelli para uma operação a uma "laparocele encarcerada".

Maria José Atienza-7 de Junho de 2023-Tempo de leitura: < 1 minuto
papa francisco

Foto: O Papa deixa o Genelli a 1 de Abril ©OSV NEWS photo/Remo Casilli, Reuters

Na manhã de quarta-feira, 7 de Junho, a Sala Stampa do Vaticano emitiu uma breve nota informando que o Papa Francisco tinha sido internado, no final da audiência geral de quarta-feira, 7 de Junho, no Hospital Universitário A. Gemelli para ser operado ao início da tarde.

De acordo com o comunicado enviado aos jornalistas, o Papa Francisco será submetido a "laparotomia e cirurgia plástica da parede abdominal com prótese sob anestesia geral".

A nota sublinha que a operação foi "organizada nos últimos dias pela equipa médica que assiste o Santo Padre" e foi necessária devido a uma "laparocele encarcerada que está a provocar síndromes suboclusivas recorrentes, dolorosas e que se agravam".

Prevê-se que a hospitalização dure vários dias "para permitir um pós-operatório normal e uma recuperação funcional completa".

Segunda admissão hospitalar em 3 meses

Esta é a segunda vez que o Papa é hospitalizado nos últimos meses. Em 29 de Março, na véspera das celebrações da Semana Santa, Francisco foi internado na policlínica Gemelli por "dificuldades respiratórias".

Relativamente a esta admissão, a Sala Stampa falou inicialmente de "controlos programados". Esta informação foi posteriormente rectificada quando o estado de saúde do Santo Padre se tornou conhecido.

Boletim informativo La Brújula Deixe-nos o seu e-mail e receba todas as semanas as últimas notícias curadas com um ponto de vista católico.