Livros

Cinema e família. Um livro para lidar com as grandes questões que aparecem no ecrã.

A influência do cinema nos jovens e na família, a forma como os avós são apresentados nas séries e filmes actuais, temas como o perdão ou a sexualidade em vários filmes são alguns dos tópicos que compõem o volume. Cinema e família. Descobrir valores através dos filmes da nossa vida..

Maria José Atienza-26 de agosto de 2023-Tempo de leitura: 3 acta
cinema e família

Cinema e família. Descobrir valores através dos filmes da nossa vida. é coordenado por Daniel Arasa, diretor de Cinemanetuma associação que promove os valores humanos, familiares, sociais e educativos através do cinema.

O livro reúne as contribuições de especialistas em cinema ligados a esta associação, como Guillermo Altarriba, Isabel Rodríguez Alenza, Gloria Tomás e Alfonso Méndiz. Todos eles, cada um com as suas próprias nuances e abordagens, deram origem a um guia útil e dinâmico, altamente recomendado para pais e professores, que oferece pistas valiosas para a compreensão e, sobretudo, para a utilização da linguagem audiovisual como veículo educativo para os jovens. 

Como sublinha o seu coordenador, Daniel Arasa, para a Omnes, "hoje, mais do que nunca, temos de ser treinados para ver e compreender o cinema, porque a sua influência e o seu poder como veículo de transmissão de valores é muito grande". 

Arasa salienta que a própria indústria audiovisual sofreu grandes mudanças nas últimas décadas: "não só os aspectos técnicos mudaram, mas também a conceção das grandes questões".

De facto, "passámos de ir ao cinema ou de ver um filme específico com toda a família na sala de estar para cada membro da família ter talvez um aparelho onde se passam coisas muito diferentes, que não são vistas em conjunto, e depois, além disso, o boom das séries, que acabam por ser 8, 20 ou 200 pequenos filmes". 

Daniel Arasa, coordenador do livro Cinema e família. Descobrir valores através dos filmes da nossa vida.

Esta mudança concetual e, sobretudo, o impacto na mudança de comportamentos sociais ou na normalização de diferentes situações é uma das chaves para a compreensão do livro e o principal objetivo do livro é ajudar os pais e os professores a criarem espaços de diálogo e de crítica com os jovens sobre questões fundamentais: a família, a mulher, a sexualidade, a dignidade e o amor.

Temas universais que aparecem, de uma forma ou de outra, em todos os filmes que chegam ao ecrã. 

As grandes questões

"Todo o cinema - porque as séries são cinema noutro formato - fala, de uma forma ou de outra, dos temas-chave da humanidade: a pessoa, o amor, a família... embora o faça de forma tangencial", diz Arasa, "num filme de guerra, talvez o tema principal não se centre numa relação amorosa, mas fala de amor, por exemplo, a família das pessoas que estão a combater, as suas relações nesses momentos...".

Para Arasa, "a responsabilidade dos cineastas é algo difícil de delimitar. Mas penso que cada cineasta deve perguntar a si próprio se o que está a fazer eleva e dignifica a pessoa ou a degrada". 

O livro descreve estes grandes temas e o seu tratamento em títulos que vão de Sophie Scholl ou Heidi a Padre no hay más que uno ou Frozen, sem esquecer séries como Gambito de Dama, Por trece razones ou Homeland. Entre estes temas, o livro destaca a família, o amor, o perdão...

"Não se trata de um livro que diz quais os filmes que se podem ver ou não", explica Arasa, "é preciso saber as razões pelas quais um filme ou uma série, por exemplo, não deve ser visto por menores, para lhes poder explicar as razões. Proibir só por proibir não é suficiente. É por isso que também queremos esclarecer alguns temas que aparecem em séries ou filmes que não recomendamos a ninguém. 

Um livro útil

O livro Cinema e família. A descoberta de valores através dos filmes da nossa vida não é apenas uma tem uma estrutura simétrica. Como explica Arasa, "quisemos que cada uma das pessoas que escrevem, que estão ligadas ao Cinemanet há anos, contribuísse com o que sabe e o fizesse no seu próprio estilo. O objetivo é oferecer aos leitores, especialmente aos pais e educadores, um instrumento que lhes seja útil, que lhes seja útil e que lhes dê exemplos que possam utilizar. 

O livro reúne a experiência dos mais de três lustros em que a Cinemanet se dedicou ao cinema e à formação das famílias através da sétima arte. Prova disso são os prémios "Família", que, todos os anos, a Cinemanet atribui a um filme estreado no ano anterior em Espanha e no qual, de uma forma ou de outra, se reflectem os valores humanos, familiares, educativos, sociais e cívicos promovidos pela organização. É também atribuído um outro prémio à personalidade do mundo cinematográfico (realizador, argumentista, ator, atriz, produtor, distribuidor...) cuja trajetória profissional e de vida reflecte estes valores.

Cinema e família. Descobrir valores através dos filmes da nossa vida.

CoordenadorDaniel Arasa
Editorial: Sekotia
Páginas: 320
Ano : 2023
Boletim informativo La Brújula Deixe-nos o seu e-mail e receba todas as semanas as últimas notícias curadas com um ponto de vista católico.