Evangelização

Pérez TenderoVejo que há uma grande sede pela Palavra de Deus".

Manuel Pérez é um estudioso bíblico que ensina no seminário de Ciudad Real. Agora as suas aulas foram carregadas para o youtube e alcançaram um sucesso mais do que notável. Conversámos com ele sobre este evento.

Javier García-1 de Agosto de 2022-Tempo de leitura: 3 acta

Foto: Manuel Pérez Tendero

Manuel Pérez Tendero nasceu em Urda (Toledo) em 1966. Aos 16 anos de idade entrou no seminário de Ciudad Real, estudou teologia e mais três anos no Pontifício Instituto Bíblico em Roma. Após a sua ordenação sacerdotal, ensinou as Sagradas Escrituras no seminário de Ciudad Real, onde foi também reitor. Há já alguns meses que as suas aulas estão disponíveis na Internet e têm sido surpreendentemente bem recebidas.

Quando e porque decidiu partilhar as suas aulas das Escrituras no YouTube?

- Foi por ocasião da pandemia, e graças à iniciativa de um seminarista. Até iniciar o canal, ensinei no seminário e no Instituto Diocesano de Teologia. No início, os vídeos eram sobre o Evangelho do domingo seguinte, mas logo optei por gravar séries mais sistemáticas e estruturadas: o Evangelho de Marcos ou Lucas, livros do Antigo Testamento (Génesisos Romances), os Apocalipse...

Qual foi a razão para a mudança?

- Quando a pandemia parecia estar a terminar e fomos libertados do confinamento, tivemos de decidir se continuávamos com o canal ou se o abandonávamos. Quando decidimos continuar, pensámos que seria interessante fazer algo mais sistemático, tomando os livros da Bíblia como referência.

Passa muito tempo a preparar vídeos, e considera que o tempo que passa a ensinar online é bem gasto?

- Há uma preparação a longo prazo: aquela que me foi dada por estes trinta anos como padre e professor. Por outro lado, há uma preparação a curto prazo: é preciso passar tempo a preparar cada gravação e a gravação propriamente dita. Para mim, é um trabalho que vale a pena, mas não o faria sozinho se não fosse pelo encorajamento e ajuda de outros.

Porque estudou as Escrituras? O que mais lhe agrada no estudo e ensino da Bíblia?

- No final dos meus estudos no seminário, fui enviado para Roma para estudar. Estudei as Sagradas Escrituras por causa da falta de professores das Escrituras no nosso seminário.

Do que mais gosto? Conhecer a Escritura é conhecer Cristo, diz São Jerónimo. Cristo, a Palavra de Deus, é aquilo de que mais gosto. Também, o aspecto humano preciso da Bíblia: as histórias, os temas profundos, as formas de se expressar. O mistério da Palavra, que tanto tem a ver com a nossa vida e a nossa fé: aí reside a beleza principal.

Como considera ser o conhecimento bíblico do católico médio? O que acha que o seu canal lhes traz? Como explica que vídeos tão longos estejam a ser tão bem recebidos?

- Penso que estamos a melhorar entre os católicos. Vejo, sobretudo, que existe uma grande sede pela Palavra de Deus. É claro que pode haver um desencontro entre o que os especialistas publicam e outros livros mais populares sobre espiritualidade. Penso que há necessidade de uma abordagem da Bíblia que seja profunda e, ao mesmo tempo, sapiencial, crente. Esta leitura sapiencial, crente, que levanta questões, é o que tentamos contribuir a partir do nosso canal.

Trailer of the Captivated by the Word course

Alguns podem ficar surpreendidos ao encontrar vídeos bíblicos tão bem filmados e editados - qual é o segredo?

- O segredo reside em Martin, que os edita; reside nos seus conhecimentos bíblicos e informáticos; reside, acima de tudo, na paixão que todos nós que nele trabalhamos, lhe dedicamos.

Certamente nestes anos de canal, com vários milhares de assinantes e cerca de uma centena de vídeos, pode partilhar connosco algum fruto particularmente marcante ou significativo do seu canal YouTube?

- Um dos frutos é que pude encontrar algumas pessoas e comunidades que me chamaram para dar retiros ou conferências. Talvez o melhor fruto esteja nas palavras fraternas de tantos crentes - alguns deles não-Católicos - que nos encorajam a continuar, muitos deles com oração sincera. Há alguns meses atrás, numa aldeia de Ciudad Real, uma senhora que eu não conhecia veio ter comigo e cumprimentou-me com um grande sorriso e disse em voz alta: "Cativada pela Palavra!

Se os nossos leitores quiserem começar a sua formação bíblica com o seu canal, por onde os recomendaria começar?

- Poderia começar com um livro simples, como Ruth. Depois poderia passar para um livro como Génesis, que tem 4 vídeos. Há também o Apocalipse, que é muito actual e não tão difícil, que tem 3 vídeos. Depois, começaria pelo Evangelho segundo Marcos, para trabalhar lentamente no itinerário de Jesus e no mistério dos Evangelhos.

Em colaboração com
Quer notícias independentes, verdadeiras e relevantes?

Caro leitor, Omnes relata com rigor e profundidade sobre assuntos religiosos actuais. Fazemos um trabalho de investigação que permite ao leitor adquirir critérios sobre os eventos e histórias que acontecem na esfera católica e na Igreja. Temos assinaturas de estrelas e correspondentes em Roma que nos ajudam a fazer sobressair a informação de fundo do ruído dos meios de comunicação, com distância ideológica e independência.

Precisamos de si para enfrentar os novos desafios de um panorama mediático em mudança e de uma realidade que exige reflexão, precisamos do seu apoio.

Em colaboração com
Boletim informativo La Brújula Deixe-nos o seu e-mail e receba todas as semanas as últimas notícias curadas com um ponto de vista católico.