América

Visita do Santo Padre ao Peru, 18 a 21 de Janeiro

Omnes-16 de Janeiro de 2018-Tempo de leitura: 3 acta

A viagem pastoral do Papa a O Peru começa em Lima. Após a sua chegada à capital no dia 18, viajará no dia seguinte para Puerto Maldonado, onde há um grande interesse em ouvir a sua mensagem. Esta área da selva peruana sofre do flagelo da mineração ilegal e do tráfico de seres humanos, por isso não é por acaso que aqui o Papa virá ao Albergue Pequeno PríncipeO Santo Padre irá também encontrar-se com os povos indígenas da Amazónia e celebrar uma liturgia em Puerto Maldonado. Em Puerto Maldonado, o Santo Padre reunir-se-á também com os povos indígenas da Amazónia e celebrará uma liturgia no Instituto Tecnológico Estadual Jorge BasadreLuis Garpar relata.

Um dia mais tarde, o Papa visitará a cidade do norte de Trujillo. Aí celebrará a missa na esplanada da estância balnear de Huanchaco e visitará a zona conhecida como Buenos Aires, onde levará as suas palavras de encorajamento às pessoas afectadas pelas chuvas e inundações causadas pelo fenómeno El Niño Coastal entre Janeiro e Março deste ano.

Nesta cidade do norte, o Santo Padre reunir-se-á com sacerdotes, religiosos e seminaristas das 11 jurisdições eclesiásticas do norte do Peru. Concluirá com um encontro mariano com a Virgem Imaculada da Porta, na Praça de Armas, em Trujillo. 21 de Janeiro é o último dia da presença do Papa no Peru e na América do Sul, e a despedida será a partir de Lima. O Papa irá ao santuário de Las Nazarenas para visitar a imagem do Senhor dos Milagres, padroeiro da cidade, e reunir-se-á com freiras de clausura, que num acto sem precedentes deixarão os seus conventos de uma forma extraordinária e viajarão de diferentes cidades do Peru para Lima para estar com o Sucessor de Pedro.

No final deste encontro, Sua Santidade irá à catedral de Lima, onde venerará as relíquias do Santos peruanos. Irá também ao Palácio do Arcebispo para um encontro com os bispos do Peru. A actividade central e final desta visita será a Santa Missa a ser celebrada na esplanada da base aérea de Las Palmas, o entusiasmo para assistir a esta celebração eucarística está a transbordar. É assim que o Peru aguarda o Papa, unido na esperança.

Aniversário do Papa

No domingo 17 de Dezembro, o Papa Francisco celebrou o seu 81º aniversário, e a festa foi celebrada em todo o mundo católico. No Peru, talvez de uma forma especial. Milhares de fiéis de paróquias, irmandades, movimentos católicos e a Guarda do Papa reuniram-se na Plaza Mayor em Lima para celebrar o seu aniversário, num encontro que contou com a participação de artistas como Julie Freundt, Pelo D'Ambrosio, crianças da escola Alegria no Senhor, Luis Alcázar e músicos católicos, etc. Também estiveram presentes os alunos da Escola Santa Anita que venceram o concurso Bienvenido Francisco com a sua canção "Peregrino da Esperança".

O povo peruano está a responder aos preparativos para a visita do Papa. O Pe. Luis Gaspar sublinha a resposta previsível do povo peruano à missa maciça que o Papa Francisco celebrará no domingo 21 de Janeiro na base aérea de Las Palmas: "O calor da fé do povo peruano é maravilhoso. Há um fervor entre o povo para participar nos eventos do Papa. No final da primeira e segunda fases [antes do Natal] 300.000 pessoas inscreveram-se pessoalmente em paróquias, escolas, universidades e movimentos eclesiásticos. Estamos muito satisfeitos, o Peru está de pé", diz o director da visita.

Alegria e entusiasmo

O Arcebispo de Lima, Cardeal Juan Luis Cipriani, disse que ele próprio gravou o vídeo para levar uma mensagem de Roma a todo o povo peruano, e que reflecte a alegria, a esperança, a oração, o entusiasmo do Papa por ter vindo ao Peru:

"Encontrei-o em muito bom humor e em muito boa forma física. A verdade é que eu estava muito feliz. Como sempre, foi muito afectuoso. E ele sempre traz à baila "Vós sois uma terra de santos". Isto é muito próximo do seu coração. Deus quis que o Peru contribuísse para esta nova evangelização na América do Sul. Deus chegou muito perto deste país e quis que a América Latina fosse uma luz que ilumina outros países, que ilumina com alegria, com paz, com o desejo de ajudar os outros, o que não é algo que brota de ti, é algo que Deus põe no teu coração. Que alegria ter estado com o Papa e que alegria tê-lo escutado.

O Papa está muito entusiasmado por ir ao Peru, porque conhece o Peru e conhece o povo peruano. "Acredito que este vídeo, que espero venha a ser amplamente conhecido, é um gesto de afecto muito pessoal. Ele está a sonhar, ele já está a percorrer as nossas ruas, com aquela atmosfera pastoral de pai, de amigo, de homem próximo que traz Deus", O Cardeal Cipriani assegurou.

Em colaboração com
Quer notícias independentes, verdadeiras e relevantes?

Caro leitor, Omnes relata com rigor e profundidade sobre assuntos religiosos actuais. Fazemos um trabalho de investigação que permite ao leitor adquirir critérios sobre os eventos e histórias que acontecem na esfera católica e na Igreja. Temos assinaturas de estrelas e correspondentes em Roma que nos ajudam a fazer sobressair a informação de fundo do ruído dos meios de comunicação, com distância ideológica e independência.

Precisamos de si para enfrentar os novos desafios de um panorama mediático em mudança e de uma realidade que exige reflexão, precisamos do seu apoio.

Em colaboração com
Mais sobre Omnes
Boletim informativo La Brújula Deixe-nos o seu e-mail e receba todas as semanas as últimas notícias curadas com um ponto de vista católico.