Mundo

Tensão no Congo: a repressão contra os católicos aumenta

Omnes-2 de Fevereiro de 2018-Tempo de leitura: < 1 acta

Alta tensão entre o Estado e a Igreja no Congo. A polícia reprimiu violentamente as manifestações dos católicos, e o Cardeal de Kinshasa condenou a repressão, que endureceu com uma dúzia de padres e freiras detidos.

Texto - Texto - Texto - Texto - Texto - Texto - Texto - Texto - Texto - Texto - Texto - Texto Joseph Kabamba (Kinshasa)

Nos anos 60, esta canção foi cantada em referência a pessoas brancas que foram feitas "tripas nas revoltas independentistas no Katanga, ou nas guerras civis até à paz de Mobutu. O que é certo é que desde 30 de Junho de 1960, o dia da independência do Congo belga, o nosso amado país não teve um ano de paz, apesar da sua riqueza mineral ou por causa dela.

Na sua mensagem de Natal, o Santo Padre fala frequentemente da República Democrática do Congo, o país católico em África! O Papa Francisco segue de perto uma evolução política que o impede de viajar, como ele gostaria de fazer, para estar connosco.

No dia 24 do ano passado, lamentou a "notícias preocupantes". e encorajou-os a evitar "todas as formas de violência". De facto, no domingo 21, a polícia congolesa espalhou o pânico no exterior da missa na catedral, acusou os católicos e prendeu vários padres e freiras.

Em colaboração com
Quer notícias independentes, verdadeiras e relevantes?

Caro leitor, Omnes relata com rigor e profundidade sobre assuntos religiosos actuais. Fazemos um trabalho de investigação que permite ao leitor adquirir critérios sobre os eventos e histórias que acontecem na esfera católica e na Igreja. Temos assinaturas de estrelas e correspondentes em Roma que nos ajudam a fazer sobressair a informação de fundo do ruído dos meios de comunicação, com distância ideológica e independência.

Precisamos de si para enfrentar os novos desafios de um panorama mediático em mudança e de uma realidade que exige reflexão, precisamos do seu apoio.

Em colaboração com
Mais sobre Omnes
Boletim informativo La Brújula Deixe-nos o seu e-mail e receba todas as semanas as últimas notícias curadas com um ponto de vista católico.